01/07/11

Escrita na Paisagem


Convidamos todos a participar na abertura da oitava edição do Festival, a decorrer em várias localidades. Destaque para a inauguração da exposição de Noémia Cruz, no Museu de Estremoz. Em Évora, a inauguração traz várias iniciativas ao Largo de São Vicente: inauguração da exposição de José D'Almeida, conversa com o artista, música tradicional alentejana e muito mais. Haverá um espaço verde para pic-nic, tragam merenda!
: : : :
Exposições / Instalações
Quatro exposições / instalações pontuam a programação do Escrita na Paisagem este ano, todas articuladas ao conceito de espaço. Com efeito, quer a exposição de José D’Almeida, com que abrimos o Festival e a Igreja de São Vicente ao público, quer as variações de Noémia Cruz sobre os bonecos tradicionais de Estremoz, em exibição no Museu Municipal daquela cidade, é uma condição de relação espacial que se concretiza.
Por fim, é com guarda-chuvas (ou guarda-sóis?) que o espaço da cidade de Évora se transforma: duas instalações, apoiadas no trabalho de artistas como Christo ou Sam Spencer (a quem agradecemos a colaboração), transformam o espaço dos Antigos Celeiros da EPAC (junto ao Eborim) e o Largo de São Vicente, trazendo com o colorido um sinal e um desafio para reler o espaço assim escrito. Assim como quem procura a ‘cidade aberta’ que Jane Jacobs escreveu e assim reencontra o prazer do espaço público!
***
A CANTORA
Igor Gandra (dir.)
Alunos do Mestrado em Teatro, Ramos Actor e Actor-Marionetista
2 Julho, 21h30Antiga Fábrica dos Leões, Universidade de Évora
Entrada Livre!*
Igor Gandra dirigiu, os alunos do Curso de Mestrado em Teatro da Universidade de Évora co-criaram e dão corpo a estA CaNTORA, projecto curricular da primeira formação Universitária em Portugal no âmbito da Marioneta.

A CANTORA tem como ponto de partida o conto de Kafka Josefina, a Cantora ou o Povo dos Ratos, texto centrado no papel do artista na sociedade e na forma como esse papel define a própria sociedade. Sendo este um projecto desenvolvido em contexto de formação, o processo de trabalho fundou-se no debate e reflexão sobre formas de "aprender" e "fazer", bem como nas questões como se cria um artista? como podem os artistas (re)inventar-se a si próprios enquanto indivíduos e colectivo, na criação de um trabalho artístico?
* Reservas:
tel.: 266 704 236
tlm.: 919 306 951
e-mail: info@escritanapaisagem.net
Igreja de S. Vicente
3 de Julho, 18h
Encontro com Igor Gandra, director e encenador do Teatro de Ferro, Director Artístico do Festival Internacional de Marionetas do Porto (FIMP), integrado no ciclo de conversas com artistas Os meus mitos.
: : : : : : : : : : : :
Destaques de programação:
Programa completo já disponível online. Descarregue pdf aqui.
Ligações
O Escrita na Paisagem tem uma página de fãs no Facebook! Susbcreva e mantenha-se a par! Participem na divulgação, convidando amigos para o Festival!
~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~
Festival Escrita na Paisagem
Apartado 287, 7002-504 Évora
Telefones: 266 704 236; 931 763 350; 919 306 951
Mail: info@escritanapaisagem.net

Sem comentários:

Enviar um comentário