13/09/11

Lembra-se deles ?

No último mês de Julho

Ouvi um melodioso barulho
Comecei a escutar
Pelo tom e o estilo
Devia ser um grilo
Alegremente, a cantar


Mas que linda melodia
Em plena hora do dia
Aquele grilo executava
Eu, pasmado a ouvi-lo
Tentava distingui-lo
E o local onde estava


Dei um passinho à frente
Seguro e consciente
Dessa linda sinfonia
Pensando no seu fadário
Nesse campo solitário
Só aquela voz se ouvia


Quando já o avistava
A minha voz imitava
A voz daquele bichinho
Quanto eu mais me exprimia
Mais o bichinho fugia
P’ró fundo do seu buraquinho


Reflecti por um momento
Veio-me logo ao pensamento
O que o destino lhe dera
Eu próprio imaginava
O grilinho só cantava
Durante a Primavera


Ainda pensando no bichinho
Segui o meu caminho
Sem olhar para trás
Afastei-me em seguida
Tratei da minha vida
Deixei o grilinho em paz

Sem comentários:

Enviar um comentário